North Music Festival – A Bússola Aponta Para Norte



O North Music Festival volta a acontecer nos dias 24 e 25 de Maio na Alfândega do Porto, o mesmo espaço que acolheu a edição de 2018, porque em equipa que ganha não se mexe.

Vai ser um fim de semana recheado com as melhores bandas e um piscar de olho à música que dobrou o século.

O primeiro dia traz o regresso dos Bush de Gavin Rossdale à cabeça e muitos serão os que anseiam cantar a plenos pulmões sucessos com “Glycerine” ou “Greedy Fly”. A banda britânica há muito que está nos corações dos portugueses e serão certamente recebidos com o calor próprio das terras lusas.

Quem também já não é novato por estas bandas é Emir Kusturica e a sua The No Smoking Orchestra, que prepararão as hostildades para os Bush. Depois do primeiro concerto há mais de 15 anos, o realizador e músico sérvio tem actuado inúmeras vezes para o público português, que considera compreender bem a mensagem da sua música. Desta vez, é o North Music Festival que o recebe e as descargas de energia do gipsy rock de Emir Kusturica serão uma certeza.

No último dia do festival, as atenções viram-se para os Bastille e Franz Ferdinand, veteranos dos concertos em Portugal.

Os Bastille visitaram-nos na última edição do Rock In Rio (2018) e foi notória a presença dos vários seguidores da banda em Portugal. Desta vez apresentam-se num ambiente bem diferente do RiR, mas temos a certeza que as emoções vão estar igualmente ao rubro e os Bastille na sua melhor forma.

Aos Franz Ferdinand caberá a honra de fechar a terceira edição do North Music Festival. Esta será a segunda passagem dos escoceses por Portugal em menos de um ano, depois de terem actuado na última edição dos NOS Alive. Uma segunda oportunidade para os que não puderam estar presentes no Passeio Marítimo de Algés ou até quem sabe uma segunda ou terceira dose de “Take Me Out”.

Além destes nomes incontornáveis da cena internacional, o North Music Festival dá luz especial à produção nacional. Os destaques desta edição vão para os Capitão Fausto, que se afirmam a cada álbum como uma das mais criativas bandas portuguesas dos últimos 10 anos; e para os Expensive Soul, conhecidos por levarem doses extra de boas vibrações e amor por onde passam.

Depois de uma segunda edição muitíssimo bem sucedida com mais de 25 mil pessoas a assistir, o North Music Festival prepara-se para a abrir a época de festivais de verão. Com um cartaz destes vai ser com pompa e circunstância!

Como sempre, podem adquirir os vossos passes gerais ou bilhetes diários aqui.