Documentários sobre música? Yes, please!



Continuamos em isolamento e distanciamento social, e por esta hora já estamos todos a ficar um bocadinho aborrecidos. O zapping é interminável, o catálogo da Netflix já não parece assim tão infinito, e vá, afinal não gostamos assim tanto de fazer pão em casa. O que fazer? O que consumir?

Decidimos juntar a sétima arte à música, e recomendamo-vos uma mão cheia de documentários para enriquecer o vosso tempo em isolamento.

1. Fantasma Lusitano

Jorge Bruto é um verdadeiro ícone do rock n’ roll português e uma figura central na cena punk nacional. Vocalista de bandas como os Emílio E A Tribo do Rum ou os Capitão Fantasma, Bruto foi diagnosticado em 2007 com Parkinson, mas nem as limitações da doença o afastaram dos palcos. Se não conhecem esta lenda viva da música portuguesa, não deixem de ver este documentário com o selo da Antena 3.

2. Homecoming: A Film By Beyoncé

A incrível performance de Beyoncé no Coachella de 2018 (Beychella, lembram-se?) é desconstruída neste documentário que põe a descoberto a visão da artista e toda a preparação do espectáculo. É o caminho perfeito desde o conceito até à execução de uma das performances mais poderosas da última década.

3. The Devil And Daniel Johnston

Deixou-nos em Setembro do ano passado, mas lembraremos sempre Daniel Johnston como um génio do indie que nunca foi compreendido ou teve o reconhecimento merecido em vida. The Devil And Daniel Johnston mostra-nos o músico na sua luta com as doenças mentais, o seu processo criativo e os testemunhos de amigos e família sobre uma personalidade tão rica e complexa como a de Daniel Johnston.

4. Whitney: Can I Be Me?

A música de Whitney Houston não precisa de documentários. Whitney: Can I Be Me? é uma viagem pela vida da cantora, uma retrospectiva de um talento imenso. O documentário tem um lado mais negro e é também o retrato de uma mulher isolada pela fama, das suas relações disfuncionais e da dependências das drogas, que acabaram por conduzir Houston a uma morte prematura em 2012.

5. David Bowie: The Last Five Years

David Bowie deixou-nos de surpresa em 2016, e The Last Five Years dá-nos um olhar detalhado sobre os últimos dois trabalhos do músico, The Next Day e Blackstar, assim como sobre a sua peça de teatro, Lazarus. The Last Five Years é um filme íntimo, contado por amigos e colaboradores do músico, que retratam a personalidade inquieta de Bowie, inquestionavelmente um ícone da cultura pop e uma das maiores referências de sempre da música.

Já viram estes documentários? Querem mais? Sigam as dicas da nossa equipa em Espanha ou no Reino Unido!

Não há comentários

Comentários estão fechados